O sobreaquecimento do motor pode resultar num incêndio. Quando estiver a viajar e começar a cheirar a queimado no interior do veículo e se o cheiro for mais intenso junto às saídas de ventilação do habitáculo, tem que parar imediatamente o carro para poder, de seguida, lidar com o problema da melhor forma. Para o ajudar, decidimos explicar alguns métodos para evitar o sobreaquecimento do motor do seu carro durante as férias.

Controlar o Termóstato

O termóstato regula a temperatura do motor. Quando não está a funcionar corretamente, a válvula pode não abrir no momento indicado (ou nunca), impedindo a circulação do líquido de refrigeração no motor e originando o sobreaquecimento do mesmo.

Numa situação de perigo, o sobreaquecimento pode mesmo queimar o motor. Neste caso, assim que se aperceba que algo está a funcionar incorretamente, o ideal é que conduza a baixas velocidades e ir controlando a temperatura do motor através do termóstato no painel de instrumentos. Se necessário, pare mesmo o veículo até que ele arrefeça.

Tenha em atenção ao Termómetro

Caso o sensor da temperatura do motor do seu carro não se alterar, é sinal que pode estar com defeito, o que pode indicar uma temperatura errada, levando-o a pensar que está tudo bem quando pode estar em risco. O ideal é pedir ajuda ao seu mecânico para garantir que o ponteiro fica em condições.

Ventoinha

A ventoinha de um carro tem como função arrefecer o motor a partir do momento em que ele atinja temperaturas mais elevadas. Se ela não estiver em condições, não irá fazer o seu trabalho caso seja preciso, podendo originar o sobreaquecimento do veículo.

Deixe a tampa do radiador bem fechada

A tampa do radiador pode ser responsável pelo sobreaquecimento do motor do seu carro. Se não estiver bem fechada, o vapor e a água poderão escapar, o que provocará o aquecimento excessivo do motor. Quando a água a ferver entra em contacto com o metal, forma-se uma nuvem de fumo. Se isto lhe acontecer, o melhor é parar o carro e desligar o motor durante 15 minutos. Depois de arrefecer, deverá de completar os níveis de água e garantir que a tampa do radiador fica bem fechada.

Líquido de refrigeração

Não é apenas a água que ajuda a refrigerar o motor. O líquido de refrigeração, conhecido como anticongelante, é fundamental para ajudar a regular a temperatura interna do motor e evitar que ele aqueça demasiado quando o carro atinge maiores rotações e está exposto a elevadas temperaturas.

fonte: e-konomista

Gestroil Energy